Melhoria genética contribuiu para crescimento da bacia leiteira em Várzea Alegre.

O secretário de Agricultura e Desenvolvimento Econômico de Várzea Alegre, Cícero Izidório, comemorou os resultados da evolução da agropecuária do Ceará, especialmente da produção de leite, que refletiu crescimento no PIB do setor no Estado em 2017, segundo o Ipece.

De acordo com o Ipece, o avanço no setor da agropecuária foi de 29,6% no Ceará no ano passado em relação ao período de janeiro a setembro de 2016. A participação da agropecuária em 2017 na economia do Estado foi de 4,5%.

Cícero Izidório disse que em Várzea Alegre os produtores de leite, em parceria do Governo Municipal e entidades como sindicatos rurais, Ematerce, Federação das Associações, entre outras, desenvolvem o projeto “Mais leite, mais venda”.

Ele informou que existem no município dois tanques de resfriamento que em 2017 receberam cerca de 500 mil litros de leite dos produtores, garantindo o mercado do setor agropecuário.

Para o secretário, a cadeia produtiva ainda é fortalecida neste município a partir da produção de queijo, iogurtes, nata e de outros produtos derivados do leite, alguns desses itens negociados para o PNAE – Programa Nacional da Alimentação Escolar e com PAA – Programa de Aquisição de Alimentos.

Investimentos em em melhoramento genético do rebanho alavancou a produção do leite e da carne bovina no município.

Fonte: Diário Centro Sul