O ex-governador do Ceará, Camilo Santana (PT), declarou apoio à candidatura de Izolda Cela ao governo do estado, nesta sexta-feira (8). A atual governadora é uma das opções do PDT à reeleição, após assumir o Executivo estadual quando Camilo deixou o cargo, para focar na vaga ao Senado.

“Na vida pública sempre busquei ser justo e leal. Meus irmãos e irmãs cearenses são testemunhas da minha história. Defender que seja dado à governadora Izolda Cela, do PDT, o direito a buscar a reeleição, por sua seriedade e competência, é questão de justiça”, publicou Camilo.

“Não irei contra os meus princípios. Seguirei agindo como sempre fiz, com diálogo e respeito, acreditando no poder do bem e na força da verdade”, complementou Camilo.

A declaração do ex-governador veio após uma fala de Ciro Gomes, pré-candidato do PDT ao Governo Federal, sobre o petista. Ciro disse não saber mais se Camilo é um aliado, mencionando a relação que PT e PDT mantêm no estado, já que o Partido dos Trabalhadores tem o ex-presidente Lula como pré-candidato à Presidência da República em 2022.

Ciro e Lula, que já foram aliados, concorrem em lados opostos nas eleições de 2022. A aliança entre os partidos no Ceará não impede que Ciro dê fortes declarações contra o ex-presidente petista.

PODCAST DIÁLOGO MAIS – ELEIÇÕES 2022 – O nosso sistema eleitoral é seguro? O que é fato ou boato?