Após três meses seguidos de deflação, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) —que mede a inflação oficial do país–, apresentou alta de 0,59% em outubro, informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quinta-feira (10).

Com o resultado, a inflação acumulada no ano chega a 4,7%. Já nos últimos 12 meses, o indicador ficou em 6,47%, segundo o instituto. Em outubro de 2021, a taxa havia sido de 1,25%.

O grupo vestuário teve a alta mais intensa, de 1,22%, mas a maior influência no índice geral veio de alimentação e bebidas, com crescimento de 0,72% e impacto de 0,16 ponto percentual no índice geral. Na sequência das maiores influências estão os grupos de saúde e cuidados pessoais (1,16%) e transportes (0,58%)

Entre os nove grupos de produtos e serviços pesquisados, oito tiveram alta no mês. Apenas Comunicação teve queda, de 0,48%.

 

Fonte: CNN Brasil