(Foto: Reprodução)

Um levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que quase quatro em cada dez brasileiros estavam inadimplentes em abril, número que corresponde a 61,64 milhões de pessoas. Um dos destaques foi na base do birô de crédito (Boa Vista, Serasa, SPC e Quod), que aumentou 6% em relação ao mesmo período de 2021.

Do total de inadimplentes, metade está com dívidas atrasadas entre 91 dias e um ano. Os pesquisadores alertam que, apesar da antecipação do pagamento do 13º salário e FGTS, os juros elevados e a alta inflação dificultam o cenário econômico doméstico, agravando o não pagamento das dívidas, o que podem acabar virando uma “bola de neve” caso ocorram pequenos atrasos.

O número de brasileiros na situação de inadimplência está chegando próximo da marca histórica registrada pelas entidades, quando, em novembro de 2019, 63,08 milhões de pessoas foram contabilizadas. A marca faz referência ao início do monitoramento, em janeiro de 2015.

Fonte: SBT News

PODCAST MAIS ROCK – O MELHOR PROGRAMA DE ROCK DO CEARÁ – Edição de 10/04/2022