(Foto: Reprodução)

Antes de o SVR (Sistema Valores a Receber) sair do ar, 79 mil pessoas conseguiram consultar o site criado pelo BC (Banco Central) para informar os brasileiros sobre dinheiro esquecido em instituições bancárias.

Pelo menos 8.500 solicitações de devolução dos valores foram formalizadas, somando cerca de R$ 900 mil, informa o BC. O depósito, via Pix, deve ocorrer em até 12 dias úteis.

De acordo com a instituição, “essas demandas representam um pequeno primeiro passo frente ao potencial de R$ 3,9 bilhões e 28 milhões de CPF e CNPJ nessa primeira fase”.

A consulta foi liberada a partir de segunda-feira (24), mas teve que ser suspensa um dia depois, por causa do excesso de pessoas que tentaram acessá-la.

O BC prevê que a segunda fase deve ser iniciada ainda no primeiro semestre de 2022. Nessa etapa, estarão disponíveis recursos de: tarifas e parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, previstas ou não em termo de compromisso com o BC; contas de pagamento pré-pagas e pós-pagas encerradas com saldo disponível; contas de registro mantidas por corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários encerradas com saldo disponível, entre outros.

Fonte: R7