(Foto:Reprodução)
A grande expectativa antes do sorteio da chave principal de Wimbledon era quem dos quatro primeiros do ranking teria a árdua missão de ver um possível duelo com o espanhol Rafael Nadal, cabeça de chave 5, numa possível fase de quartas de final.

Pois bem, eis que o pareamento dos confrontos revelou que o suíço Roger Federer, heptacampeão em Londres, deverá protagonizar o duelo precoce entre gigantes.

Campeão em 2003, ’04, ’05, ’06, ’07, ’09 e 2012, Federer terá uma chave bem complicada pela frente se quiser o octa na capital inglesa. Além de Nadal nas quartas, se passar, poderá ver o britânico Andy Murray na semifinal. O sérvio Novak Djokovic só poderá ser seu adversário numa possível decisão no All England Club.

A história recente de Wimbledon já viu o grande duelo entre Nadal e Federer acontecer em três finais – 2006, 2007 e 2008, em que nas duas primeiras o suíço levou a melhor, porém, na última, Rafa ousou derrubar o reinado do veterano na grama londrina.

Cabeça de chave 3, Federer estreia contra o romeno Victor Hanescu e, na segunda rodada, pode cruzar com o único brasileiro na chave de simples – Rogério Dutra Silva, que joga a primeira rodada contra  o ucraniano Sergiy Stakhovsky.

Até as quartas de final, Federer deverá ter adversários como Lukas Rosol, Fabio Fognini, Jerzy Janowicz ou o espanhol Nicolas Almagro, cabeça de chave 15 na Inglaterra. Por sua vez, Nadal joga a primeira partida contra o belga Steve Darcis, podendo encontrar o polonês Lukasz Kubot ou o russo Igor Andreev na próxima fase. No seu caminho até Federer, o suíço Stanislas Wawrinka e o norte-americano John Isner devem ser os que podem complicar seu caminho.

Em 2012, Rafa, bicampeão em Wimbledon, foi eliminado na segunda rodada diante do tcheco Rosol e iniciou um calvário de mais de sete meses longe das quadras recuperando-se de uma lesão no joelho esquerdo. Porém, em sua volta, ganhou sete dos nove torneios que disputou, incluindo o octa em Roland Garros.

Como segundo pré-classificado, Murray tenta o título inédito em Londres e estreia em 2013 contra o alemão Benjamin Becker. Seu caminho não deve ter grandes dificuldades até as oitavas de final, quando poderia enfrentar o sérvio Janko Tipsarevic. Nas quartas, o francês Jo-Wilfried Tsonga deverá ser o grande adversário.

 

Fonte: Uol Notícias