O juiz Ricardo Alexandre da Silva Costa determinou a transferência de todas as detentas da cadeia do Município de Icó, a 358 Km da Fortaleza, para uma unidade prisional adequada. A medida foi publicada na Portaria nº 1/2014, do Diário da Justiça Eletrônico da última segunda-feira (10).

A Secretaria da Vara Única de Icó comunicará a determinação ao Sistema Penitenciário estadual (Cosipe) para o cumprimento imediato e irrestrito da portaria. De acordo com o magistrado, que responde pela Vara, o administrador da cadeia deve se abster de receber novas detentas, sob pena de responsabilidade administrativa e criminal.

Reclamações

O juiz levou em consideração as frequentes reclamações e notícias sobre as dificuldades para se executar as penas ou mesmo manter dignamente pessoas do sexo feminino detidas no referido estabelecimento. O magistrado afirmou também ter levado em conta as precárias condições de funcionamento da cadeia, que sequer disponibiliza água potável aos presos.

Fonte: Diario do Nordeste