A Comissão Gestora do Roberto Costa (Trussu) realizou na última sexta-feira (6), junto à Cogerh, uma Reunião de Avaliação e Ajuste da operação 2022.2 do reservatório, de forma híbrida, na Gerência Regional de Iguatu.

Inicialmente, o gerente Isaac Dias apresentou a evolução volumétrica e apontou que o reservatório conta atualmente com um volume de 97,56 milhões de m³, equivalente a 36,30% de sua capacidade. Isaac também lembrou que foram realizados alguns ajustes durante a operação que se estendeu até o final de dezembro no qual a válvula foi fechada em 31/12, assim, a vazão média de liberação é de 122 L/s.

Na ocasião, o gerente apresentou as ações realizadas e os registros fotográficos feitos por drone no trecho para perenização. Expos também uma solicitação de alguns usuários para o retorno da liberação a fim atender irrigações e dessedentação animal, no qual a proposta é de liberar 300 L/s iniciando no dia 6 de janeiro e reduzir conforme a necessidade à uma vazão média de 150 L/s.

Por fim, foi proposto a Capacitação anual da Comissão Gestora com o tema: “Estudo Qualiquantitativo do aquífero aluvionar no Rio Jaguaribe“, no Município de Iguatu e que será ministrada pelos técnicos que estão à frente do estudo.

O evento contou com a presença de 16 participantes, sendo nove membros da Comissão Gestora. Pela gerência regional da Cogerh de Iguatu, participaram o gerente regional, Isaac Dias; as assistentes administrativas, Núbia Vitor e Shérida Gomes e a estagiária Ana Paula Gomes.

CONFIRA AQUI A ENTREVISTA COM ISAC DIAS – GERENTE OPERACIONAL CONGERH IGUATU