(Foto: Reprodução)

O Secretário do Meio Ambiente do Estado, Artur Bruno, anunciou, nesta quarta-feira, em entrevista falou que, até o final deste ano, a Região do Cariri ganhará mais quatro unidades de conservação ambiental.

Serão implantadas as unidades de proteção da biodiversidade no Caldeirão (Crato), Boqueirão (Lavras da Mangabeira), Riacho do Meio (Barbalha) e no entorno da Estátua de Santo (Barbalha). Ele disse que o Governo do Estado disponibilizou os recursos financeiros para os projetos e obras que estão ou serão realizadas.

O Secretário Artur Bruno, na conversa com o jornalista Luzenor de Oliveira, destaca o esforço do ciclo administrativo iniciado pelo então Governador Camilo Santana e que teve continuidade na atual gestão de Izolda Cela para o Ceará avançar com ações de proteção do meio ambiente.

Em 2015, começo da primeira administração Camilo, de acordo com Artur Bruno, o Ceará tinha 23 unidades de conservação ambiental e, ao final de 2022, serão 42 áreas.

Fonte: Ceará Agora