Depois de boas chuvas registradas na segunda quinzena de março passado e neste mês de abril, houve uma significativa redução no número de cidades que enfrentavam contingenciamento no sistema de abastecimento de água no interior cearense.

Até o início deste mês eram cinco cidades: Itapiúna, Mombaça, Monsenhor Tabosa, Salitre e Milhã. De acordo com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), agora, apenas Monsenhor Tabosa enfrenta dificuldades de fornecimento de água para os moradores. A cidade fica distante 284 km de Fortaleza e tem 17 mil habitantes. Há mais de três anos que o açude Monsenhor Tabosa permanece seco.

“O açude que abastece a cidade de Monsenhor Tabosa está apenas com 1% de sua capacidade, sem recarga”, explicou o diretor da Cagece do núcleo de Abastecimento do Interior, Hélder Cortez. “Se não houver mudança significativa nos próximos dias, o quadro deve perdurar ao longo deste ano”.

Em abril de 2018, eram 46 centros urbanos atingidos por problemas na distribuição de água.

Fonte: Diário Centro Sul