Mesários acompanharam atentamentes as intruções (Foto: Thiedo Henrique/Mais FM
PodMais
PodMais
Mesários de Iguatu e Quixelô encerram treinamento visando as eleições municipais
/

A menos de 15 dias para as eleições municipais, o cartório da 13ª Zona Eleitoral finalizou o treinamento para os 1.115 mesários que vão atuar no pleito de 2016 de Iguatu e Quixelô, no dia 2 de outubro. A capacitação teve início na terça-feira, 13, sendo direcionada aos eleitores selecionados para atuação como presidente e primeiro mesário das sessões eleitorais, o encerramento dos trabalhos aconteceu na segunda-feira, 19.

Lireuda Alves, servidora do órgão, ajudou a ministrar a palestra voltada para metodologias presenciais e utilização de recursos visuais. “Temos que dar ênfase na parte prática. Mas a gente também coloca a teoria e eles contam suas experiências e o que viveram na prática, o que facilita muito o treinamento”, declarou.

De acordo com o chefe de cartório eleitoral, Michel Oliveira, a novidade maior deste ano será a biometria. Como o procedimento é novo, Michel acredita que, talvez, será um dos aspectos que dificultará o trabalho dos mesários. São procedimentos novos como esse, que, na opinião dele, reforçam a importância dos treinamentos. “A atenção e os esclarecimentos têm que ser intensos. As adversidades, caso apareçam, o convocado estando preparando pode sobressair delas”, ponderou.

Cidadania e folgas

Quem participou do curso teve a oportunidade de assistir a um vídeo que relatou o papel dos mesários, documentos necessários para votar, o que fazer quando a biometria não reconhece o eleitor, como proceder caso ocorra alguma falha na urna, entre outros fatores.

Dentre as turmas que foram divididas em dois turnos – manhã e tarde – estava a professora Selma Costa, que participou das orientações e será pela terceira vez mesária na escola Filgueiras Lima. Para ela, o trabalho é ainda mais interessante, porque oferece a oportunidade de se conhecer diferentes pessoas e, com isso, criar vínculos. “Acabo revendo muitos ex-alunos que ficam felizes em me verem trabalhando dessa forma. Para mim, é uma forma de promover a cidadania”, contou.

As pessoas que irão trabalhar como mesárias nas eleições do dia 2 de outubro terão direito a dois dias de folga e um vale alimentação de R$ 23,00. Além disso, quem participou do treinamento já tem direito a mais dois dias de folga.

 

Através de 'urnas testes' os mesários conheceram os equipamentos (Foto: Thiedo Henrique/Mais FM)
Através de ‘urnas testes’ os mesários conheceram os equipamentos (Foto: Thiedo Henrique/Mais FM)

Urnas e sessões

No mês de agosto, do Centro de Armazenamento de Urnas Eletrônicas de Fortaleza para o fórum eleitoral local foram trazidos 302 aparelhos, 250 para Iguatu e 52 para Quixelô. Os mesários já tiveram o primeiro contato com os ‘equipamentos testes’. Foram convocados 932 mesários para presentarem serviços em Iguatu e 184 na cidade de Quixelô.

Devido a abstenções de quase 12 mil eleitores nos municípios que compõem a zona que não atenderam a convocação do Tribunal Regional Eleitoral (TER), o número de sessões por eleitor diminuiu. Como medida visando ao melhor andamento ao pleito o cartório agregou algumas sessões. “Quem quiser acompanhar ou saber se a sessão em que vota foi agregada ou não basta entrar em contato conosco”, finalizou Michel.

Serviço
Cartório Eleitoral de Iguatu
(88) 3581-2104