A paróquia de São Raimundo Nonato celebrou na manhã desta terça-feira, 26, solenidade de casamento coletivo para 54 casais, de várias idades. A maioria já vivia junto há vários anos e tem filhos.

A Igreja Matriz de São Raimundo Nonato ficou lotada de noivos, padrinhos e convidados. Alguns noivos estavam tensos, preocupados, mas outros expressavam de forma mais espontânea a alegria de participar da solenidade religiosa.

O pároco José Mota celebrou cada casamento de forma individual, com os noivos e padrinhos ao pé do altar. Com paciência chamou cada um dos casais e padrinhos.

A Igreja não cobra pelo casamento coletivo. A última solenidade foi em 2013.

O padre Antônio Davi Neto, vigário de Várzea Alegre, explicou que o objetivo da cerimônia coletiva é que os casais passem a viver uma vida dentro das exigências legais da Igreja Católica, sob o sacramento do casamento.

A programação se estendeu por toda a manhã e os noivos disseram estar felizes com a cerimônia, que para muitos era um sonho e que agora foi realizado.

Fonte: Diário Centro Sul