Foto: Divulgação

Com a intenção de democratizar o acesso à informação e ao atendimento especializado para milhares de brasileiros que sofrem de dores de cabeça recorrentes e aguardam em filas de espera por uma consulta com especialistas, a Sociedade Brasileira de Cefaleia (SBCe), com o apoio da Academia Brasileira de Neurologia,  realiza o 5º Mutirão Nacional da Dor de Cabeça. Em Fortaleza, membros da SBCe prestarão atendimento gratuito a pacientes com dor de cabeça no dia 31 de maio, sábado.

 

De acordo com o coordenador do mutirão, o neurologista João José Carvalho, milhares de brasileiros com dores de cabeça já passaram pelo clínico do posto de saúde e aguardam uma consulta com neurologista. “O objetivo do Mutirão é atender essas pessoas que já estão na fila e contribuir para agilizar esse processo. Faremos um primeiro atendimento e, depois, encaminharemos aos serviços especializados para a continuidade do tratamento”.

Por meio do 5º  Mutirão Nacional da Dor de Cabeça, além tentar diminuir as filas, a SBCe quer também chamar a atenção das autoridades para a necessidade de melhorias na assistência aos pacientes com dor de cabeça. “Dentre as ações mais urgentes, é preciso estruturar cursos de qualificação para profissionais da área visando identificar e tratar corretamente o paciente com dor de cabeça”, explica Dr. Marcelo Ciciarelli, presidente da Sociedade Brasileira de Cefaleia.

Fonte: CEARA AGORA