Seca preocupa produtores rurais no Centro-Sul

Foto: Jan Messias

Foto: Jan Messias
Foto: Jan Messias
A estiagem prolongada tem preocupado produtores rurais. O nível dos reservatórios tem atingido níveis críticos e em alguns casos já estão completamente secos. 

Um exemplo claro é o Açude do Sítio Garrota, em Quixelô, um dos maiores do município, com uma capacidade aproximada de 18 milhões de metros cúbicos, que já está completamente seco. 

Anúncio
Foto: Jan Messias
Foto: Jan Messias

Desde outubro, quando o nível da água atingiu o leito do reservatório, os agricultores que têm terras no local iniciaram plantios, mas estão com medo de perder devido à seca que se agrava. Na estrada, a quantidade de gado morto no acostamento assusta. 

Foto: Jan Messias
Foto: Jan Messias

Os agricultores afirmam que está difícil manter os animais pela falta de água para manter os pastos e que o preço de ração para o gado leiteiro está muito alto. Próximo ao Açude do Sítio Garrota encontra-se o Açude do sítio tapera, que também está bastante seco. 

Foto: Jan Messias
Foto: Jan Messias
Em outras localidades a situação se repete, com açudes secos e animais mortos no acostamento.