(Foto: Reprodução)

Prevista há alguns anos, o RG digital se torna cada vez mais uma realidade para os brasileiros. Além de se tornar digital, a ideia pretende unificar o formato de emissão dos números do RG, já que anteriormente, cada estado era responsável por criar sua própria numeração. Ou seja, era possível a mesma pessoa ter 27 identidades diferentes.

Alguns estados já estão começando a emitir o novo formato e o prazo para que todos se adaptem é até março de 2023. É importante que a população procure mais informações junto aos órgãos oficiais de seu estado, como o Poupatempo e Expresso Cidadão, por exemplo.

Outra mudança que será trazida pelo novo formato é a união dos números do CPF e RG, ou seja, só existirá um número de identificação, o do CPF. Além de evitar possíveis fraudes, facilita a vida dos brasileiros, que terão que “decorar” apenas uma sequência numérica.

PODCAST DIÁLOGO MAIS – A violência contra o idoso