(Foto: Divulgação)

Em menos de dois anos, as forças de segurança do Ceará realizaram, pelo menos, três grandes apreensões de drogas no estado. O total apreendido soma 3,5 toneladas. A mais recente apreensão ocorreu em 16 de agosto e foi divulgada na tarde deste sábado (20). Uma quadrilha foi presa com 1,2 tonelada de cocaína em um navio pesqueiro, carga avaliada em mais de R$ 1 bilhão que iria abastecer o mercado europeu.

A droga estava acondicionada sob toneladas de gelo no porão da embarcação e teria como destino a Europa. Além da droga e da própria embarcação, também foram apreendidos celulares, equipamentos e documentos.

Em dezembro de 2021, um cão farejador da PM localiza um túnel subterrâneo camuflado na mata que armazenava mais de uma tonelada de cocaína, em um sítio na cidade de Chaval, a 400 km de Fortaleza. Um total de 1.074 kg da droga foi apreendido durante a operação conjunta entre a Polícia Federal e Secretaria de Segurança Pública.

Três pessoas foram presas após a droga ser localizada pela polícia com o auxílio do animal. As investigações apontaram que os entorpecentes eram trazidos por embarcações.

Já em agosto do ano passado, a Polícia Federal prendeu duas pessoas e apreendeu mais de uma tonelada de cocaína em um jatinho executivo, no aeroporto de Fortaleza. Ao todo foram apreendidos 1.304 quilos de cocaína. A droga foi flagrada em uma aeronave de nacionalidade turca que decolou de Ribeirão Preto (SP) e tinha como destino Bruxelas, na Bélgica. Passageiros e tripulação tiveram de passar pela capital cearense para os trâmites de imigração.

Fonte:G1