(Foto: Reprodução)

Uma simples pesquisa por Pix no Instagram resulta em diversos perfis que prometem multiplicar em até 21 vezes o dinheiro dos usuários. Golpistas utilizam a credibilidade do meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central (BC) para tentar atrair vítimas.

Perfis com nomes como “Rei do Pix”, “Pix Online”, “Esquema do Pix” e “Pix do Dia” definem a operação como um investimento, sem explicar de onde vem a rentabilidade. Diariamente, eles publicam tabelas mostrando quanto a vítima pode receber de volta a depender do quanto ela pagar de entrada.

Em uma página, os golpistas prometem que quem pagar R$ 300 receberá de volta R$ 6.500, mais de 21 vezes o valor. O preço para entrar no esquema varia, começando com transferências de R$ 50 e chegando a R$ 3.000.

Os perfis publicam supostos relatos de pessoas que participaram da operação e foram bem sucedidas. Os comentários nas publicações são apagados, evitando que possíveis vítimas possam ser alertadas do golpe. Para especialistas, o caso se trata de golpe e usuários da rede devem desconfiar de propostas do tipo.

Fonte: Diário do Nordeste