Um homem de 46 anos de idade, suspeito de estuprar e engravidar as duas filhas, uma de 19 e outra de 15 anos, foi preso nesta terça-feira (21), em Crateús. A prisão aconteceu horas após ele estuprar a filha mais velha e ela denunciá-lo nas redes sociais. Investigação preliminar aponta que a jovem era abusada pelo pai desde que tinha 13 anos.

A vítima tem um filho de dois anos de idade que, segundo relatou à Polícia Civil, é fruto de um dos estupros sofridos. Recentemente, inclusive, a irmã dela, outra vítima, uma menina de 15 anos, também deu à luz uma criança.

De acordo com a Polícia, serão feitos exames genéticos para identificar a paternidade de ambos os bebês. O nome do suspeito não é divulgado para preservar a identificação das vítimas.

PRISÃO EM FLAGRANTE

As investigações tiveram início na madrugada da terça-feira (21), quando a vítima de 19 anos foi às redes sociais denunciar que havia acabado de ser estuprada pelo próprio pai. “De pronto, as equipes [da Delegacia Regional de Crateús] diligenciaram para o endereço citado na denúncia, onde constataram a veracidade do crime”, relatou a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Fonte: Diário do Nordeste

PODCAST DIÁLOGO MAIS – A violência contra o idoso