Connect with us

Noticias

Novas regras para se aposentar já estão em vigor; confira mudanças

Publicado

on

Mudanças de idade mínima, tempo de contribuição e transição já estão valendo. Alterações em alíquotas de contribuição e outras questões tributárias passam a vigorar em 90 dias. Sistema do INSS deve demorar a se adaptar.
Promulgadas ontem (12), as novas regras da Previdência já estão em vigor. Algumas mudanças, no entanto, só passarão a valer daqui a 90 dias, como é o caso das novas alíquotas de contribuição previdenciária, que aumentarão progressivamente em proporção ao salário.

Paulo Bacelar, sócio da Bacelar e Nousianen Advogados Associados e coordenador do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP) no Ceará, explica que, por se tratar de questão tributária, essas mudanças não podem entrar em vigor imediatamente.
Atendimento

O grande volume de regras e a demora da atualização do sistema do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deve provocar certa turbulência nas agências devido ao número de pessoas que ainda têm dúvidas sobre a aposentadoria. Bacelar revela que, frustrando o primeiro impulso dos trabalhadores de buscar as agências do INSS para tirar dúvidas, praticamente não haverá atendimento presencial.

“Nós que trabalhamos com Direito Previdenciário fazemos o atendimento ao cliente, vemos que muitos deles já vieram de tentativas de idas às agências do INSS. As agências também estão passando por uma modificação grande, muitos servidores se aposentaram em massa de janeiro até hoje. Há agências que passaram a ter o atendimento online através do INSS Digital, então praticamente atendimento em agência não está sendo feito, inclusive estão fechando às 13h”, alerta.

Ele demonstra preocupação com essa falta de canais de esclarecimento e atendimento ao trabalhador. “A população sofrida com a reforma já vai passar por uma situação de embate com o próprio poder público, que não tem servidores disponíveis para explicar os direitos deles que foram alterados. É lamentável isso que está acontecendo. Daí a importância de se ter profissionais preparados, qualificados para entender a reforma e poder passar as informações corretas”, ressalta.

Bacelar ainda aponta que, de tão complexas, as novas regras da Previdência geram dúvidas até para quem trabalha no ramo. “Entre os próprios professores do IBDP existem dúvidas de como essas leis estão sendo interpretadas. Por exemplo, em relação ao cálculo dos benefícios nas regras de transição em que ainda serão utilizados o fator previdenciário. Vamos esperar a normativa do próprio INSS”, acrescenta.
Atualização

O coordenador do IBDP no Estado revela que o sistema do INSS que concede os benefícios deve demorar alguns meses para ser atualizado às novas regras. “Eu fui servidor do INSS por 14 anos e sempre vi, na minha realidade, que quando muda uma lei, o sistema fica de seis a oito meses para cumprir aquela lei. Isso aconteceu com a lei complementar 142 de 2013, relativa a aposentadoria dos deficientes. O INSS só começou a conceder o benefício entre março e abril de 2014, ficou quase um ano sem o sistema para conceder”, alerta.

Tendo como base essa experiência, Bacelar estima que o processo de atualização do sistema do INSS, no caso da reforma, será ainda mais complicado. “Imagina agora que vai ter regra anterior, regra posterior, regra de transição. O sistema com certeza não vai estar adaptado e tenho certeza de que esses benefícios que estão sendo dado entrada agora serão sobrestados, causando uma demora maior ainda na concessão dos benefícios previdenciários. Isso é, pra mim, um grande problema”, diz.

De acordo com o coordenador estadual do IBDP, o INSS provavelmente irá emitir um memorando interno orientando os servidores a não concederem qualquer benefício até se completar a atualização do sistema. Os prejudicados deverão ter direito ao retroativo do período entre o requerimento e a concessão.

“Mas imagine uma pessoa que precisa cuidar do seu benefício, dá entrada no salário maternidade e só recebe depois de voltar a trabalhar, mesmo com retroativo. Eu torço para que o INSS já esteja trabalhando nisso, porque é uma preocupação que eu tenho como ex-servidor e como advogado, sabendo que os processos dos meus clientes terão essa dificuldade”.

Novos desafios após promulgação

Sem a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro, e de ministros do Governo, o Congresso Nacional promulgou, ontem, 12, a reforma da Previdência. Nos bastidores, o secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, manifestou satisfação pela promulgação, deixando claro que há outros desafios na sequência.

O membro da equipe econômica do Governo Federal faz referência direta à PEC paralela, a qual deve tratar de temas que ficaram de fora do texto da reforma.
A promulgação foi assinada pelos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre , em sessão solene do Congresso no plenário do Senado.

Na mesa da sessão, estavam apenas parlamentares, entre eles integrantes dos comandos da Câmara e do Senado e líderes do Governo.

Bolsonaro chegou a dizer pela manhã que decidiria se iria à cerimônia. Pouco antes do evento, parlamentares foram informados que o presidente não estaria presente.

Alcolumbre minimizou a ausência de Bolsonaro, citando que, em sessões anteriores de promulgação de emendas constitucionais, não houve a presença do chefe do Executivo.

Alíquotas

A reforma da Previdência cria alíquotas de contribuição progressivas tanto para o Regime Geral de Previdência Social (RGPS), que reúne os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), quanto para o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), dos servidores da União. Hoje, há três percentuais de contribuição para o INSS de acordo com a renda do empregado da iniciativa privada: 8%, 9% e 11% (cálculo sobre todo o salário).

Com as mudança, esses percentuais vão variar de 7,5% a 14%. O cálculo será feito sobre cada faixa de salário. Como a incidência da contribuição será por faixas de renda, é preciso calcular caso a caso para ver quem paga mais ou menos. Por exemplo, a alíquota de contribuição para quem ganha R$ 2 mil é 9% – ou R$ 180. Com a tributação por faixas, a alíquota efetiva será de 8,25%, equivalente a R$ 165,03. Já quem recebe R$ 2,8 mil vai recolher mais para a Previdência. A alíquota subirá de 9% para 9,32%. A contribuição sobe, neste caso, de R$ 252 para R$ 261,03.

Via Diário do Nordeste

Radio Ao vivo

SAIU NA MAIS

anúncio
Colunas1 hora atrás

Direito e Cidadania: Com as chuvas, os alagamentos

Ceará3 horas atrás

Criminosos vestidos de policiais assaltam comerciante e trocam tiros com a polícia

Ceará3 horas atrás

Árvore cai sobre carro no Ceará; seis ficam feridos

Iguatu3 horas atrás

CPI da CAF em Iguatu: 10 vereadores assinam requerimento. Nenhum é da situação

Ceará3 horas atrás

Cantora de forró que morreu afogada com o marido gravou clipe no mesmo local onde corpos foram encontrados

Ceará4 horas atrás

Polícia Federal procura há dois anos preso que fugiu algemado da sede da PF em Fortaleza

Ceará4 horas atrás

Ônibus escolar com 48 estudantes tomba em rodovia do Ceará

Iguatu23 horas atrás

Defensoria Pública Geral do Estado inaugura novo Núcleo de Mediação Comunitária de Iguatu

Noticias1 dia atrás

Homem espancado ao assaltar lutador ainda tentou roubar carro após fugir dos golpes

Noticias1 dia atrás

Cantora de forró Marcinha Sousa e marido morrem afogados em carro ao tentar cruzar ponte no Ceará

Noticias1 dia atrás

MC Vinner é assassinado a tiros em Fortaleza

Noticias1 dia atrás

Israel mantém Lula como ‘persona non grata’, especialistas avaliam próximos movimentos diplomáticos

Economia1 dia atrás

Microempreendedores individuais devem ficar atentos para não cometer erros no preenchimento da declaração anual de faturamento

Brasil1 dia atrás

Prazo para comprovação dos dados no Prouni termina hoje, 20/02

Iguatu2 dias atrás

Crianças com deficiência sem monitores em Iguatu: Prefeitura promete concluir seleção até 29 de Fevereiro

Ceará2 dias atrás

Idoso é resgatado de casa por bombeiros após ser atacado por abelhas no Ceará

Ceará2 dias atrás

Açude Germinal, em Palmácia, é o primeiro a sangrar no Ceará em 2024

Noticias2 dias atrás

Duas chacinas no mesmo dia no Ceará: quatro mulheres são mortas em Caucaia

Ceará2 dias atrás

Laje desaba e mata criança de quatro anos na cidade do Crato

Ceará2 dias atrás

Empresária esfaqueada a mando de casal faz fisioterapia: ‘Gratidão’

Noticias2 dias atrás

COLUNA: CeLELEbridades

Iguatu3 dias atrás

Deputado Danilo Forte confirma emenda de R$400.000,00 para APAE de Iguatu em café da manhã na Casa Lar Juvenal e Arlinda Nogueira

Iguatu3 dias atrás

Deputado Federal Danilo Forte aborda necessidade de reconstrução de Iguatu durante evento no CDL

Iguatu4 dias atrás

Situação da saúde em Iguatu levanta questões sobre prioridades públicas

Iguatu4 dias atrás

SAAE – Justiça determina suspensão imediata do Projeto de Lei 004/2024

Americando4 dias atrás

AMERICANDO: A primeira vez que ouvi Belchior

Noticias4 dias atrás

Influenciadora é presa por anunciar venda de drogas em rede social

Ceará4 dias atrás

Agentes da inteligência policial do Ceará ajudam na recaptura de fugitivos da Penitenciária de Mossoró

Noticias5 dias atrás

Julgamento do principal suspeito do desaparecimento de Madeleine McCann foi suspenso momentos após a abertura, após tweets de juíza leiga sobre ex-presidente Jair Bolsonaro

Brasil5 dias atrás

Prefeito de Bagé é denunciado por não distribuir cestas básicas; alimentos estragam e contêm veneno de rato

Colunas1 hora atrás

Direito e Cidadania: Com as chuvas, os alagamentos

Ceará3 horas atrás

Criminosos vestidos de policiais assaltam comerciante e trocam tiros com a polícia

Ceará3 horas atrás

Árvore cai sobre carro no Ceará; seis ficam feridos

Iguatu3 horas atrás

CPI da CAF em Iguatu: 10 vereadores assinam requerimento. Nenhum é da situação

Ceará3 horas atrás

Cantora de forró que morreu afogada com o marido gravou clipe no mesmo local onde corpos foram encontrados

Ceará4 horas atrás

Polícia Federal procura há dois anos preso que fugiu algemado da sede da PF em Fortaleza

Ceará4 horas atrás

Ônibus escolar com 48 estudantes tomba em rodovia do Ceará

Iguatu23 horas atrás

Defensoria Pública Geral do Estado inaugura novo Núcleo de Mediação Comunitária de Iguatu

Noticias1 dia atrás

Homem espancado ao assaltar lutador ainda tentou roubar carro após fugir dos golpes

Noticias1 dia atrás

Cantora de forró Marcinha Sousa e marido morrem afogados em carro ao tentar cruzar ponte no Ceará

Noticias1 dia atrás

MC Vinner é assassinado a tiros em Fortaleza

Noticias1 dia atrás

Israel mantém Lula como ‘persona non grata’, especialistas avaliam próximos movimentos diplomáticos

Economia1 dia atrás

Microempreendedores individuais devem ficar atentos para não cometer erros no preenchimento da declaração anual de faturamento

Brasil1 dia atrás

Prazo para comprovação dos dados no Prouni termina hoje, 20/02

Iguatu2 dias atrás

Crianças com deficiência sem monitores em Iguatu: Prefeitura promete concluir seleção até 29 de Fevereiro

Ceará2 dias atrás

Idoso é resgatado de casa por bombeiros após ser atacado por abelhas no Ceará

Ceará2 dias atrás

Açude Germinal, em Palmácia, é o primeiro a sangrar no Ceará em 2024

Noticias2 dias atrás

Duas chacinas no mesmo dia no Ceará: quatro mulheres são mortas em Caucaia

Ceará2 dias atrás

Laje desaba e mata criança de quatro anos na cidade do Crato

Ceará2 dias atrás

Empresária esfaqueada a mando de casal faz fisioterapia: ‘Gratidão’

Noticias2 dias atrás

COLUNA: CeLELEbridades

Iguatu3 dias atrás

Deputado Danilo Forte confirma emenda de R$400.000,00 para APAE de Iguatu em café da manhã na Casa Lar Juvenal e Arlinda Nogueira

Iguatu3 dias atrás

Deputado Federal Danilo Forte aborda necessidade de reconstrução de Iguatu durante evento no CDL

Iguatu4 dias atrás

Situação da saúde em Iguatu levanta questões sobre prioridades públicas

Iguatu4 dias atrás

SAAE – Justiça determina suspensão imediata do Projeto de Lei 004/2024

Americando4 dias atrás

AMERICANDO: A primeira vez que ouvi Belchior

Noticias4 dias atrás

Influenciadora é presa por anunciar venda de drogas em rede social

Ceará4 dias atrás

Agentes da inteligência policial do Ceará ajudam na recaptura de fugitivos da Penitenciária de Mossoró

Noticias5 dias atrás

Julgamento do principal suspeito do desaparecimento de Madeleine McCann foi suspenso momentos após a abertura, após tweets de juíza leiga sobre ex-presidente Jair Bolsonaro

Brasil5 dias atrás

Prefeito de Bagé é denunciado por não distribuir cestas básicas; alimentos estragam e contêm veneno de rato

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MAIS NOTÍCIAS – 09/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MAIS JUSTIÇA 09/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MANHÃ DE NOTÍCIAS – 09/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MAIS NOTÍCIAS – 08/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MANHÃ DE NOTÍCIAS – 08/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO -MAIS NOTÍCIAS – 07/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MANHÃ DE NOTÍCIAS – 07/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MAIS NOTICIAS – 06/02/2024

Videos2 semanas atrás

AO VIVO – MAIS NOTÍCIAS – 05/02/2024

Videos3 semanas atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 02/02/2024

Videos3 semanas atrás

AO VIVO – MAIS NOTÍCIAS 02/02/2024

Videos3 semanas atrás

MAIS NOTÍCIAS AO VIVO 01/02/2024

Videos3 semanas atrás

AO VIVO – MANHÃ DE NOTÍCIAS – 31/01/2024

Videos3 semanas atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 29/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 22/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – MAIS JUSTIÇA 19/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 18/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 15/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – MAIS JUSTIÇA 12/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 11/01/2024

Videos1 mês atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 08/01/2024

Videos2 meses atrás

AO VIVO – MAIS JUSTIÇA 05/01/2024

Videos2 meses atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 04/01/2024

Videos2 meses atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 18/12/2023

Videos2 meses atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 11/12/2023

Videos2 meses atrás

AO VIVO – ESPORTE SHOW 08/12/2023

Videos3 meses atrás

AO VIVO – MAIS JUSTIÇA 01/12/2023

Videos3 meses atrás

AO VIVO – MAIS JUSTIÇA 17/11/2023

Videos10 meses atrás

AO VIVO – MAIS NOTÍCIAS 📻 08/05/2023

Videos10 meses atrás

REPRISE – MAIS JUSTIÇA 05/05/2023

EM ALTA

Fechar Propaganda
Fechar Propaganda