Animais nas margens de rodovias são risco de acidentes. Foto: HB

Animais nas margens de rodovias são risco de acidentes. Foto: HB
Animais nas margens de rodovias são risco de acidentes. Foto: HB
Quem for viajar neste feriadão de Carnaval deve ter atenção redobrada com a presença de animais (jumentos e bovinos) nas margens das rodovias. O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) ampliou o serviço de apreensão desde o início desta semana. Nos últimos quatro dias, mais de 300 bichos foram apreendidos pelo órgão, responsável pela fiscalização das estradas estaduais

 

Neste período do ano, por causa da seca, é comum jumentos e bovinos procurarem alimentação (capim) nas margens da rodovia. A apreensão dos animais resulta em medidas de prevenção de acidentes. Nesta semana, de acordo com relatório divulgado pelo órgão, foram recolhidos 305 animais (90% são jumentos), dos quais 164 na Região Metropolitana de Fortaleza. O Detran dispõe de 13 equipes com caminhões apropriados, com 39 profissionais.

Os trabalhadores vão continuar até a próxima Quarta-Feira de Cinzas com o serviço de recolhimento de animais nas rodovias estaduais. O esforço é para não parar durante o período do Carnaval. Atenção especial será dada para as seguintes rodovias: CE-040, CE-085 e CE-060 (Maciço de Baturité), nos trechos onde há registro do maior número de apreensões.

 Em 2012, o Detran apreendeu 13 mil animais, dos quais 11 mil foram jumentos. Foram doados 1.200 animais comestíveis (vaca, boi, porco e carneiro) a instituições e hospitais filantrópicos. São cerca de 3.500 jumentos que se encontram na fazenda, de ambos os sexos e todas as idades.

As despesas mensais com captura e tratamento de animais somam R$ 336 mil capturados nas rodovias estaduais. Eles são levados para a Fazenda Paula Rodrigues, mantida pelo Governo do Estado, no município de Santa Quitéria.

Fonte: Diario Centro Sul