Magno Alves sinaliza: Faltam apenas dois gols para o centésimo (Foto: Tiago Gadelha/Agência Diário)

Atacante marca duas vezes contra o Uniclinic e fica a dois gols do centésimo. Na lista dos maiores artilheiros, Magnata está logo atrás de Zé Eduardo, que tem 99 gols.

A contagem regressiva está cada vez mais próxima do fim. Faltavam quatro gols para o centésimo de Magno Alves com a camisa do Ceará. Agora só faltam dois. Com os tentos feitos na vitória sobre o Uniclinic, neste domingo, pelas quartas de final do Cearense, o Magnata chegou aos 98 gols marcados (veja os dois últimos no vídeo ao lado) e está a apenas um de Zé Eduardo, que tem 99, e é o sexto maior artilheiro da história do clube.

Ao término da partida contra o Uniclinic, Magnata prometeu mais gols no jogo de volta contra a Águia da Precabura: “Sábado tem mais”. Se mantiver a pontaria em dia, o atacante pode sonhar até em ultrapassar Pipiu, quarto na lista, com 115 gols. Quem sabe?

O cara a ser superado: Zé Eduardo

Zé Eduardo apaerce na lista dos artilheiros do Alvinegro de Porangabuçu em sexto, com 99 gols. É o próximo alvo de Magnata na busca por melhores posições no ranking. Zé Eduardo começou a jogar pelo Bahia em 1967 e, em seguida, foi emprestado do Flamengo em 1971.

No ano seguinte, chegou ao Ceará e naquele ano teve início um caso de amor entre atleta e clube. Foram nove anos defendendo o clube e seis títulos conquistados, entre eles o tetra de 1975 a 1978, além do bicampeonato cearense em 1980/1981.

Abaixo, confira a lista dos artilheiros

1. Gildo: 261*
2. Mitotônio: 151
3. Sergio Alves: 141
4. Pipiu: 115
5. Antonino: 110
6. Zé Eduardo: 99
7. Magno Alves: 98
8. Da Costa: 94
9. Ivanir: 90
10. Mota: 89
*Pesquisa inacabada

Fonte: Globo Esporte