(Foto: Reprodução)

Dois suspeitos do ataque com explosivos que danificou um portão da sede do Ceará, na noite desta terça-feira (17), foram presos pela Polícia Militar na Avenida José Jatahy, quando fugiam após a prática do crime.

Conforme a PM, agentes do 6º Batalhão fizeram buscas na região depois do segundo ataque a sede do clube e localizaram a dupla trafegando em uma motocicleta, momento em que houve a abordagem.

Gleison Gomes Caetano, de 45 anos, com passagens por posse de drogas, e Antônio Emilio Vieira Rafael, de 36 anos, foram conduzidos para o 34º Distrito Policial (DP), onde foram autuados em flagrante por crime contra a incolumidade pública e crime de explosão.

Os suspeitos também vão responder ao artigo 16 do Estatuto do Desarmamento e art. 41-B do Estatuto do Torcedor, por promover tumulto, praticar ou incitar a violência, ou invadir local restrito aos competidores em eventos esportivos.

Fonte: G1