O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas divulgou um balanço geral do terceiro mês da coleta de dados do Censo Demográfico 2022. De acordo com o instituto, até 31 de outubro, foram recenseadas mais de 6 milhões de pessoas no Ceará, o que corresponde a 68,53% da população estimada.

Os dados mais recentes mostram que o Estado conta com mais de 3,2 milhões de mulheres, o que representa 51,7% da população. Já os homens correspondem a 48,3%, sendo mais de 3 milhões no Estado. De acordo com o superintendente da Unidade Estadual do IBGE no Ceará (UE/CE), Francisco Lopes, a tendência é de que a maioria feminina no Ceará seja confirmada ao final do levantamento.

Segundo apuração do IBGE, houve recusa em 2,31% dos domicílios cearenses e 5,45% estavam ausentes. A perspectiva é que ambos os percentuais reduzam até o final do recenseamento, já que os recenseadores deverão realizar novas tentativas até o próximo dia 2 de dezembro, data em que a apuração de dados deverá ser finalizada.

“Pedimos que a população cearense colabore com os recenseadores. Observamos que muitas pessoas estão recusando. Passamos por um censo em um período eleitoral, onde haviam pontos de vista distintos, isso fez com que algumas pessoas recusassem. Esses dados são para o país e não para um ou outro governo”, destaca Lopes.

Fonte: OPovo

https://open.spotify.com/episode/7rW2v11GkqFdCWLu9UiRzF