“Três anúncios para um crime” é o grande vencedor do Bafta 2018, o “Oscar britânico”. O filme do diretor Martin McDonagh levou cinco prêmios: melhor filme, melhor filme britânico, melhor atriz, ator coadjuvante e roteiro original.

Guillermo del Toro foi escolhido como o melhor diretor, com “A Forma da Água”. O romance “Me Chame pelo seu Nome” venceu como melhor roteiro adaptado.

Veja a lista completa dos vencedores:

Melhor filme
“Me Chame Pelo Seu Nome”
“O Destino de Uma Nação”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”
“Três Anúncios para um Crime”

Melhor diretor
Denis Villeneuve, “Blade Runner 2049”
Luca Guadagnino, “Me Chame Pelo Seu Nome”
Christopher Nolan, “Dunkirk”
Guillermo Del Toro, “A Forma da Água “
Martin McDonagh, “Três Anúncios para um Crime”

Guillermo del Toro no tapete vermelho do Bafta 2018 (Foto: Joel C Ryan/Invision/AP)

Melhor atriz
Annette Bening, “Film Stars Don’t Die in Liverpool”
Frances McDormand, “Três anúncios para um Crime”
Margot Robbie, “Eu, Tonya”
Sally Hawkins, “A Forma da Água”
Saoirse Ronan, “Lady Bird”

Frances McDormand em cena de 'Três anúncios para um crime' (Foto: Divulgação)

Melhor ator coadjuvante
Christopher Plummer, “Todo Dinheiro do Mundo”
Hugh Grant, “Paddington 2”
Sam Rockwell, “Três Anúncios para um Crime”
Willem Dafoe, “Projeto Flórida”
Woody Harrelson, “Três Anúncios para um Crime”
Sam Rockwell recebeu o prêmio de melhor ator coadjuvante (Foto: Joel C Ryan/Invision/AP)

Estrela em ascensão:
Daniel Kaluuya
Florence Pugh
Josh O’Connor
Tessa Thompson
Timothée Chalamet
Melhor roteiro original
“Corra!”
“Eu, Tonya”
“Lady Bird”
“A Forma da Água”
“Três Anúncios para um Crime”

Melhor roteiro adaptado
“Me Chame Pelo Seu Nome”
“The Death of Stalin”
“Film Stars Don’t Die in Liverpool”
“A Grande Jogada”
“Paddington 2”

Melhor filme britânico
“O Destino de Uma Nação”
“The Death of Stalin”
“God’s Own Country”
“Lady Macbeth”
“Paddington 2”
“Três Anúncios para um Crime”

Melhor filme estrangeiro
“Elle” (França)
“They Killed My Father” ( Camboja)
“The Handmaiden” (Coreia do Sul)
“Loveless” (Rússia)
“The Salesman” (Irã)

Melhor documentário
“City of Ghosts”
“I Am Not Your Negro”
“Icarus An Inconvenient Sequel”
“Jane”

Melhor animação
“Viva – A Vida É Uma Festa”
“Loving Vincent”
“My Life as a Courgette”

O universo de 'Viva - A vida é uma festa' é rico e colorido, como a ponte que leva Miguel ao Mundo dos Mortos (Foto: Divulgação)

Melhor curta britânico
“Aamir”
“Cowboy Dave”
“A Drowning Man”
“Work”
“Wren Boys”

Melhor curta-metragem de animação britânico
“Have Heart”
“Mamoon”
“Poles Apart”

Melhor filme de diretor, roteirista ou produtor britânico estreante
“The Ghoul” – Gareth Tunley (roteirista/diretor/produtor), Jack Healy Guttman & Tom Meeten (produtores)
“I Am Not a Witch” – Rungano Nyoni (roteirista/diretor), Emily Morgan (produtor)
“Jawbone’ – Johnny Harris (roteirista/produtor), Thomas Napper (diretor)
“Kingdom of Us” – Lucy Cohen (diretor)
“Lady Macbeth” – Alice Birch (roteirista), William Oldroyd (diretor), Fodhla Cronin O’Reilly (produtor)

Melhor trilha sonora original
“Blade Runner 2049”
“O Destino de uma Nação”
“Dunkirk”
“Trama Fantasma”
“A Forma da Água”

Melhor fotografia
“Blade Runner 2049”
“O Destino de Uma Nação”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”
“Três Anúncios para um Crime”

Melhor figurino
“A Bela e a Fera”
“O Destino de Uma Nação”
“Eu, Tonya”
“Trama Fantasma”
“A Forma da Água”

Efeitos visuais
“Blade Runner 2049”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”
“Star Wars: Os Últimos Jedi”
“Planeta dos Macacos: A Guerra”

Melhor edição
“Em ritmo de fuga”
“Blade Runner 2049”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”
“Três Anúncios para um Crime”

Melhor design de produção
“A Bela e a Fera”
“Blade Runner 2049”
“O Destino de uma Nação”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”

Melhor penteado e maquiagem
“Blade Runner 2049 ”
“O Destino de uma Nação “
“Eu, Tonya”
“Victoria e Abdul”
“Extraordinário”

Melhor som
“Em ritmo de fuga”
“Blade Runner 2049”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”
“Star Wars: Os Últimos Jedi”

'Dunkirk' mostra evacuação de centenas de milhares de soldados aliados após cerco do exército alemão (Foto: Divulgação)