(Foto: Reprodução)

O comércio vive a expectativa para o dia dos pais. O número de brasileiros que pretendem comprar algum presente caiu. O Jornal Hoje mostrou que, ainda assim, a data deve movimentar R$ 24 bilhões, cerca de 8% a mais do que em 2021.

Mais de 100 milhões de brasileiros pretendem comprar algum presente para o pai, este ano. O que representa 63% dos consumidores.

Já 27% dos entrevistados disseram que os pais não vão ganhar nem uma lembrancinha. Número maior que o do ano passado, quando 21% não queriam comprar nada.

Se o orçamento está apertado, a estratégia é pesquisar. 8 em cada 10 afirmaram que vão fazer isso, antes de tomar uma decisão. Principalmente porque 31% estão com as contas atrasadas. O primeiro lugar de compra é a internet e, logo em seguida, vêm os shoppings. Na lista de presentes, os mais procurados são roupas, perfumes e cosméticos, e calçados.

Fonte: G1